sexta-feira, outubro 03, 2008

Slater no topo do Mundo, pela nona vez...

Slater comemorando muito o nono título mundial. Foto: ASP Kirstin / Covered Images

Como já era esperado pelo mundo do surf, após uma temporada de seguidas vitórias, o norte-americano Kelly Slater conquistou a incrível marca de 9 títulos do WCT - World Championship Tour, circuito mundial de surf. A consagração aconteceu ao vencer o espanhol Eneko Acero na oitava bateria, da nona etapa do circuito mundial, o Billabong Pro Mundaka que acontece em Euskadi, no País Basco.

Slater que iniciou a carreira profissional quebrando recordes, quando foi o mais jovem campeão do mundo em 1992, com 20 anos de idade, garantiu o impressionante eneacampeonato e de quebra mais um recorde, o de campeão mundial mais velho, aos 36 anos. O nono título foi selado pelo norte-americano que conquistou cinco vitórias, das nove (incluindo Mundaka que ainda não terminou) disputadas este ano.

De forma excepcional e deixando a pulga atrás da orelha de muita gente sobre a sua continuação ou não no circuito mundial, Slater aprontou logo de cara, faturando na Austrália, casa do então campeão mundial, Mick Fanning, a primeira e segunda etapas, na Gold Coast e Bells Beach, respectivamente. Em Teahupoo, no Tahiti, Slater terminou na 17ª colocação. Na etapa seguinte, em Fiji, Slater foi impecável e faturou novamente. A quinta etapa que rolou em Jeffrey's Bay, foi palco de mais uma conquista, na qual Kelly passeou nas longas e geladas direitas sul-africanas. Na etapa seguinte, o fenômeno acabou ficando na terceira fase conquistando um 17º lugar. Em Trestles, na Califórnia, novamente o alto do pódio foi o destino de Slater. Na etapa seguinte, em Hossegor, na França o careca quase leva mais uma perdendo por pouco para o jovem aussie Adrian Buchan, terminando na segunda colocação.

Com um desempenho quase irretocável, Kelly chegou ao País Basco praticamente com a mão no caneco, a duas baterias do nono título, feito alcançado com a vitória na terceira fase.

O mundo do surf que especulou sobre uma eventual aposentadoria do fenômeno Kelly Slater, mais uma vez assite perplexo a quebra de um novo recorde do esporte dos reis.

Kelly por sua vez continua atrás de novos recordes. Ele ainda pode alcançar o seu próprio recorde de vitórias durante uma temporada, 7 vitórias obtidas em 1996, caso ganhe as etapas do Brasil e Hawaii. Na nona etapa que ainda está rolando em Mundaka, Mr. Slater não tem mais chances pois foi desclassificado nas oitavas pelo aussie Tom Whitaker.
Kelly mostra nas mãos a incrível contagem de títulos mundiais. Foto: ASP Kirstin/Covered Images


De qualquer forma, a incrível marca alcançada pelo mito Slater, etá muito longe de ser alcançada por qualquer mortal. O maior recordista dentro do esporte era o australiano Mark Richards, que possui 4 títulos mundiais, conquistados nos longínqüos anos 80.

Slater criou uma nova era, com uma abordagem diferente e sobretudo soberana dentro do esporte que mais cresce no mundo. Se depender do careca muitos novos adeptos devem surgir.

ALGUNS RECORDES E NÚMEROS DA ERA SLATER:

Mais títulos mundiais: nove (2008, 2006, 2005, 1998, 1997, 1996, 1995, 1994, 1992)
Mais vitórias em etapas: 39
Campeão mundial mais jovem: 20 anos em 1992
Campeão mundial mais velho: 36 anos em 2008
Maior placar em baterias: 20 pontos com duas notas 10 na final do Tahiti em 2005
Maior número de vitórias na mesma temporada: sete etapas em 1996

Quando será que teremos um novo recordista deste quilate? Responda quem tiver coragem...

aloha,
Beda Batista
2BSurf

2 comentários:

guilherme disse...

brother..slater is E.T!!!!!!!
sinistro com certeza quiksilver vai querer ano q vem q ele ganhe...

Maurio Borges disse...

Caraca! Tu não escreves mais nessa jossa?

Vê se deixa de ser preguiçoso!

Semana que vem tô por aí. Aquele abraço.

MB